Você tem fome de quê?

 

As pessoas geralmente sabem o que devem comer nas refeições principais (café, almoço e jantar) e que é melhor se alimentar em intervalos regulares, a cada três ou quatro horas. Mas o que fazer quando bate aquela vontade de comer fora de hora?

Ao longo do dia, o organismo passa ao cérebro informações de que o corpo sente fome. Por meio desse mecanismo, protegemos nossos estoques de energia e mantemos nossos níveis de açúcar dentro de uma faixa normal, capaz de atender nossas demandas.

Três ou quatro horas depois de uma refeição, nossos níveis de açúcar no sangue começam a cair, ocorre um estímulo progressivo aos centros neurológicos da fome no cérebro e buscamos comida.

Fazer o número previsto de refeições a intervalos regulares (comer de 3 em 3 horas) evita a hipoglicemia (queda no nível de açúcar no sangue) e reduz a chance de ter fome. "Respeitar esse tempo entre uma refeição e outra é nosso principal aliado para sentirmos ‘uma fome normal’", afirma a endocrinologista Ellen Simone Paiva, diretora do Citen, Centro Integrado de Terapia Nutricional.

Pode parecer contraditório, mas comer mais vezes – em quantidades menores por vez – ajuda a emagrecer, pois acelera o metabolismo. Porém, é importante que se coma alimentos saudáveis. "Beliscar" várias vezes ao dia compromete a saciedade, pois a pessoa nunca tem fome suficiente pra comer uma refeição, mas também nunca está totalmente sem fome para recusar guloseimas.

 

 

Dicas para comer bem

Fatias de pão light têm apenas 50 calorias, contêm fibras, são fontes de carboidratos e não contêm gordura.

Cereais são ricos em fibras, que ajudam a retirar substâncias tóxicas do organismo e contribuem pra aumentar a sensação de saciedade.

Quando der vontade de comer algo um pouquinho mais calórico, coma. É melhor satisfazer um desejo com moderação que ficar cheio de desejos e insatisfação. 

Iogurtes light fornecem boas doses de cálcio com pouca quantidade de gordura.

Deixe sempre na gaveta do escritório barras de cereais, frutas secas, bolacha integral (ingira, no máximo, três unidades) ou uma fruta.

Evite ter na despensa alimentos calóricos e pobres em nutrientes saudáveis. Assim você se protege do risco de um ataque surpresa na hora de fome.

Troque os queijos amarelos pelos brancos.

 

 

Por Rodrigo Brasil - Jornalista