Cuide bem de seu joelho

 

O joelho é considerado pelos profissionais da área da saúde uma articulação de alto impacto, sendo constantemente sobrecarregado em esportes comuns como futebol, basquete, vôlei e atletismo.

Os atletas, em razão dos exaustivos treinos, estão propensos a desenvolver patologias freqüentemente diagnosticadas no meio esportivo, entre elas, desgaste articular, degeneração da cartilagem e lesão ligamentar e meniscal. O tempo de uso (over time), o sobrepeso, os fatores genéticos e a alimentação também contribuem para a sobrecarga articular.

O “atleta” de fim-de-semana, praticante de qualquer atividade física sem orientação e preparação adequada, também esta susceptível a lesões e com maior grau de  severidade. Cabe a esse tipo de atleta antes e depois da prática esportiva fazer alongamentos freqüentes, reposição de líquidos e principalmente procurar acompanhamento de um profissional capacitado (fisioterapeuta, educador físico, nutricionista, médico).

A fisioterapia tem um papel muito importante no joelho do atleta, sendo implantada no pré e pós-cirúrgico com objetivo de preparar o membro e posteriormente otimizar a volta do atleta ao seu esporte. Independente da intervenção fisioterapêutica adotada, o início precoce resulta sempre em um bom prognóstico.

 

Dicas

* Logo após a lesão, utilizar gelo por 15 minutos e manter o membro elevado;

* Sempre utilizar vestimenta e calçado adequado para o seu esporte;

* Realizar avaliação física antes de começar a praticar esporte.

* Recomenda-se andar de bicicleta e praticar esportes leves em superfícies regulares.

 

 

 

Por Leonardo Stahelin Eicke - Fisioterapeuta Seleção Brasileira de Hoquei sobre grama.

Especializando-se em Acupuntura

Membro da AFA-Brasil